25 de novembro de 2014

Lá vem aumento das passagens de ônibus em Guarulhos

Mal terminou o período eleitoral e os Prefeitos já começaram a se articular para discutir um possível aumento nas passagens de ônibus das cidades da Região Metropolitana de SP. Eles se reuniram na quarta feira 19/11 para tratar deste assunto. Nesta reunião ficou acertado que para 2015, a passagem que hoje custa R$3,00 pode subir para R$3,40 ou R$3,50.

Guarulhos em dezembro de 2012 reajustou a tarifa do ônibus em R$0,30.

Porém, no inicio de 2013 outros municípios fizeram o reajuste, que foi muito questionado pela população. Uma onda de protestos obrigou os Prefeitos a reduzirem novamente as tarifas e a subsidiar esse custo. Porém agora os Prefeitos alegam que é impossível manter esse subsídio para 2015. Que este valor pode comprometer investimentos em saúde, educação e obras públicas.

Os vereadores de nossa cidade acabaram de aumentar seus próprios salários em 53%, e aumentaram o número de vereadores, o que gerara um custo de aproximadamente 4 milhões por ano ao município. Quando a verba é para os políticos, eles nunca dizem que vai atrapalhar o orçamento. 

 A cara de pau dos políticos não tem limites. Eles esperam terminar o período eleitoral para aplicar esse aumento, depois criam uma desculpa qualquer para fazer as pessoas aceitarem isso, aumentando o valor da tarifa nas cidades em torno de SP para tornar o aumento na cidade de SP inevitável.

O transporte público em nossa cidade não melhorou nestes últimos 2 anos. Guarulhos ainda não pediu a auditoria dos contratos com as empresas de ônibus, que foram grandes financiadoras da campanha do Almeida. Não existe transparência nesses contratos.

A população sofre diariamente com os ônibus lotados, demorados, que mais parecem latas de sardinha. Para quem mora na periferia é pior ainda por que muitas vezes o único ônibus que chega até lá são os Microônibus que não dão conta da demanda.

Isso acontece porque quem manda nos interesses é o lucro das empresas privadas e não os interesses da população trabalhadora.

Passada as eleições os Guarulhenses vão pagar a conta. Aumento da tarifa de ônibus e para completar a criação de mais uma taxa na conta de luz a chamada Taxa para iluminação Pública que passará a ser cobrada no início de 2015.

Nós não devemos e não queremos pagar por isso. Devemos voltar as ruas para barrar mais esse aumento, pois em 2013 vimos que é possível. Precisamos exigir a estatização das empresas de ônibus pois transporte público é um direito, não tem que aumentar a passagem para aumentar o lucro das empresas. 

Nós do PSTU estaremos na luta pela redução da tarifa e pelo Passe Livre! Vamos pra rua pra barrar de novo esse aumento!

0 comentários:

Postar um comentário